Noticias

ICIEG lança em Santa Catarina a 2ª Edição do Concurso Nacional Contos “Igualdade de Género”

Centenas de estudantes e dezenas de professores da Escola Técnica Grão-Duque Henri em Assomada assistiram e participaram no

lançamento oficial da 2ª Edição do Concurso Nacional Contos “Igualdade de Género”.

O encontro de muito partilha e aprendizagem contou com presenças da vencedora da 1ª edição do Concurso, Jennifer Abreu, da Embaixadora EU em Cabo Verde, Sofia Moreira de Sousa, da 1ª Dama de Cabo Verde, Lígia Fonseca, da Diretora Comercial da Unitel T+, Ércia Paim e da ex. 1ª Dama, Adelcia Pires.

O lançamento da 2ª Edição do Concurso Nacional Contos “Igualdade de Género” ficou marcado por momentos de interação, nomeadamente, poesia com o poeta urbano, Edyoung Lennon, apresentação e Divulgação da Coletânea em livro Contos Igualdade de Género da 1º edição e a Declaração dos vencedores da 1ª Edição do Concurso com o intuito de incentivarem a participação massiva dos estudantes nesta edição.

No momento das intervenções a Embaixadora EU em Cabo Verde, Sofia Moreira de Sousa salientou que, "é preciso continuar a consciencializar a sociedade, principalmente as pessoas mais jovens, sobre a importância da igualdade e o problema que é a Violência Baseada no Género", por outro lado a 1ª Dama de Cabo Verde, chamou a atenção para questões atuais e persistentes a nível de direitos das mulheres e seu impacto no desenvolvimento da sociedade.

Em relação a Unitel T+, a Diretora Comercial, Ércia Paim, garantiu que a operadora vai continuar a apoiar o concurso tendo em conta a sua importância e o seu impacto no seio da juventude.

Refira-se que a igualdade de género é considerada como sendo uma questão de direitos humanos. Ciente desse fato, o Instituto Cabo-verdiano para a Igualdade e Equidade de Género, elegeu os alunos do ensino secundário de todo o país como publico alvo, levando-os a apropriarem-se desses direitos e construírem uma sociedade mais igualitária e promotora de uma cultura de não violência.

É assim, que o ICIEG desenhou um projeto que visa, precisamente, promover o conhecimento e o aprofundamento das questões de género entre os jovens do ensino secundário e foi à procura de parcerias, nomeadamente da Unitel T+ e da Embaixada da União Europeia em Cabo Verde.

A primeira edição do concurso ultrapassou todas as expectativas traçadas pelo ICIEG como parceiros, a ponte de as três melhores obras acabarem sendo editadas numa coletânea de contos.

Neste âmbito, o sucesso da primeira edição motivou a instituição a seguir em frente, ciente que as ações que impactam e que mudam mentalidades devem ser continuas.

As inscrições para o concurso abrem nesta quinta-feira, 25, e o prazo vai até 23 de dezembro 2019. O regulamento e a ficha de inscrição encontram-se disponível na página de Facebook do ICIEG e nas Direções das Escolas Secundárias de todo o país.

Estiveram ainda presentes no representantes do Instituto Cabo-verdiano da Criança e do Adolescente, delegação do Ministério da Educação, Associação de Apoio à Auto-Promoção da Mulher no Desenvolvimento, Morabi, Associação Cabo-Verdiana de Luta Contra a Violência Baseada no Género, entre outras entidades.

#ContosDeIgualdade
#ICIEG
#UnitelT+
#UECABOVERDE